Amizade com Deus

No mundo contemporâneo, no qual os recursos tecnológicos estão em alta, alguns valores estão em crise e nisso se inclui a amizade. Parece um paradoxo, as redes sociais dão a possibilidade de aumentar o número de “amigos”, ao mesmo tempo que fazem com que os amigos mantenham-se distantes, pela falta de tempo e contato direto, tão necessários para que as amizades cresçam e sejam fortalecidas.

As amizades, não aquelas somente presentes na rede social, que muitas vezes só as conhecemos pelas imagens e alguns pensamentos publicados, mas as que estão perto, que fazem parte de nossas vidas, do nosso cotidiano, de fora e de dentro de casa. São amizades preciosas, mas será que elas conseguem sentir o que a gente sente, penetrar no nosso íntimo e descobrir os nossos mais profundos pensamentos e anseios? Por mais que uma amizade seja confiável, será que podemos abrir totalmente o nosso coração e revelar tudo que está nele? Não, não existe ninguém, por mais chegado que seja, com o qual podemos compartilhar a totalidade da nossa vida. Por melhor que o nosso amigo seja, e tenhamos com ele um vínculo tão forte, não entenderia nossas fraquezas, nossos dilemas e, ainda que entendesse, não teria condições de nos curar nem de dar solução para alguns  dilemas interiores. Mas existe uma pessoa que quer e  pode ser o melhor e suficiente amigo, aquele que é como o nosso coração deseja e precisa.

O homem não caiu neste mundo por obra do acaso, Ele tem um Criador e foi criado com um propósito. Aquele  Deus que criou também o mundo, tudo que nossos olhos contemplam, em toda a sua beleza, sejam os seres animados e inanimados – a natureza. Ele não é apenas o Criador de todas as coisas, mas também é o Ser Soberano que rege a obra de sua criação. Ele é o Único Deus, simplesmente por ser  quem Ele É! Ainda que existam tantos “deuses”, fabricados pelos homens, eles são reduzidos a pó e insignificantes diante do Único Deus Verdadeiro.  Deus criou o homem para o louvor da sua glória e pra ter com Ele um relacionamento de amizade e comunhão. Por causa da transgressão do homem, houve uma quebra no relacionamento com Ele, mas, através de Jesus, a própria revelação de Deus, temos acesso a Ele e diante dEle somos o que realmente somos. Não precisamos chegar diante de Deus com subterfúgios ou máscaras porque nada há encoberto aos seus olhos; Ele nos vira pelo avesso e tudo que está em nós vem à tona em sua presença. O presente e o passado, sejam traumas, abuso, rejeições, incertezas, pecados, transgressões, temperamento difícil, tudo está nu e patente diante dos seus olhos, só Ele tem condições de curar as feridas que a vida se responsabilizou de nos marcar ao longo do caminho, sem acusações, sem questionamentos, só com o seu amor paternal e seu doce Espírito.

Sim, nenhum deus, de nenhuma religião, na história da humanidade, ofereceu ao homem um relacionamento de amizade íntima e racional com o ser humano, são deuses muito distantes ou muito “divinos”, ou irreais, que o  máximo que se pode obter deles é uma crença cega que navega no mar das incertezas e desilusões. Mas o Deus Todo-Poderoso, o Deus dos cristãos, o Único e Verdadeiro é um Deus´presente, racional, que deseja ardentemente ter com cada ser humano um relacionamento de aliança, comunhão, intimidade, firmado na certeza, na confiança e no amor. O amor provado, revelado na pessoa de Jesus Cristo que se fez homem, que habitou entre os homens, que a si mesmo se entregou, morrendo na cruz e vitoriosamente ressuscitou para atrair  muitos filhos para Deus e selar a vitória que só há no seu Nome.

Você pode, agora mesmo, abrir o seu coração para Jesus, dizer que quer conhecê-lo e ser amigo dEle, andar em intimidade com Ele e na Sua presença.  Assim, deleite-se e se sinta seguro nos braços do Pai Celestial!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *